Reconhecimentos

O IWRCF e seus advogados são reconhecidos por diversas publicações e rankings nacionais e internacionais pela sua atuação.

Análise Advocacia – Edição 2021

O IWRCF foi premiado, na categoria escritório abrangente, em 25 áreas de atuação. Além disso, 8 advogados foram premiados em suas respectivas áreas de especialidade. Entre os mais admirados no Estado de São Paulo, o escritório ficou na 1ª posição na categoria escritório Abrangente.

mais detalhes

Who’s Who Legal – Brazil

Renato Cury foi recomendado pelo Who’s Who Legal – edição nacional – como advogado atuante na indústria de Life Sciences. Parabenizamos nosso sócio pela conquista e agradecemos aos nossos clientes e parceiros!

Legal 500 – 2022

O IWRCF foi mais uma vez reconhecido nos rankings publicados pelo Legal 500.

 

mais detalhes

LATIN LAWYER 250 – 2021

O IWRCF foi reconhecido como um dos principais escritórios brasileiros. Duas áreas também foram recomendadas pelo guia: Concorrencial e Contencioso Cível.

Who’s Who – 2021

Renato Cury é recomendado na área de responsabilidade pelo produto (product liabiliy) no mercado de life sciences.

CHAMBERS & PARTNERS BRASIL – 2021 (Contencioso)

A área de Direito do Consumidor do IWRCF foi reconhecida, bem como os sócios Ricardo Inglez de Souza e Renato José Cury pela sua atuação nas áreas Concorrencial e de Direito do Consumidor, respectivamente.

mais detalhes

LACCA – 2021

Ricardo Inglez de Souza foi reconhecido pela sua atuação na área Concorrencial.

CHAMBERS & PARTNERS GLOBAL – 2021

Andréa Pitthan Françolin foi reconhecida novamente pelo ranking global da publicação internacional pela sua atuação na área contenciosa cível.

mais detalhes

ANÁLISE ADVOCACIA 500 – 2020

O IWRCF foi premiado, na categoria escritório abrangente, em 12 áreas de atuação. Além disso, 9 advogados foram premiados em suas respectivas áreas de especialidade. Entre os mais admirados no Estado de São Paulo, o escritório ficou na 1ª posição na categoria escritório abrangente.

mais detalhes

BEST LAWYERS – 2021

Ricardo Inglez de Souza, Renato José Cury e Luiz Fernando Alouche foram recomendados nas áreas Concorrencial, Contenciosa Cível e Trabalhista, respectivamente.